AWS Application Migration Service

Simplifique e agilize sua migração enquanto reduz custos

O AWS Application Migration Service (AWS MGN) permite que você perceba rapidamente os benefícios da migração de aplicações para a nuvem sem alterações e com o mínimo de tempo de inatividade.

O AWS MGN minimiza processos manuais demorados e propensos a erros, convertendo automaticamente seus servidores de origem de infraestrutura física, virtual ou em nuvem para execução nativa na AWS. Ele simplifica ainda mais sua migração, permitindo que você use o mesmo processo automatizado para uma ampla variedade de aplicações.

E, ao iniciar testes sem interrupções antes da migração, você pode ter certeza de que suas aplicações mais críticas, como SAP, Oracle e SQL Server, funcionarão perfeitamente na AWS.

Quando usar o AWS Application Migration Service

Para muitos casos de uso de migração, o AWS MGN pode ser o caminho mais rápido para a nuvem. Saiba mais sobre as diferenças entre o AWS MGN, CloudEndure Migration e AWS Server Migration Service, e qual serviço é melhor para seu caso de uso. Saiba mais »

Introdução ao AWS Application Migration Service

Procurando o CloudEndure Migration?

O AWS MGN é baseado no CloudEndure Migration e o aprimora integrando-se ao Console de gerenciamento da AWS. Use o CloudEndure Migration »

Benefícios

Acesso a tecnologia avançada

Simplifique as operações e obtenha melhores insights com a integração do AWS MGN com o AWS Identity and Access Management (IAM), Amazon CloudWatch, AWS CloudTrail e outros produtos da AWS.

Tempo de inatividade mínimo durante a migração

Com o AWS MGN, você pode manter as operações empresariais normais durante todo o processo de replicação. Ele replica continuamente os servidores de origem, o que se traduz em pouco ou nenhum impacto na performance. A replicação contínua também facilita a realização de testes sem interrupções e reduz as janelas de transição.

Custos reduzidos

O AWS MGN é gratuito e reduz os custos gerais de migração, visto que não há necessidade de investir em várias soluções de migração, desenvolvimento de nuvem especializado ou habilidades específicas de aplicações. Isso acontece porque o AWS MGN pode ser usado para migrar qualquer aplicação de qualquer infraestrutura de origem que execute sistemas operacionais compatíveis..

Como funciona

Como o AWS MGN funciona

Instalação do agente
A implementação começa com a instalação do agente de replicação da AWS em seus servidores de origem. Depois de instalado, você pode exibir e definir as configurações de replicação. O AWS MGN usa essas configurações para criar e gerenciar uma sub-rede da staging area com instâncias simplificadas do Amazon EC2 que atuam como servidores de replicação e volumes de teste de baixo custo do Amazon EBS.

Replicação contínua
Os servidores de replicação recebem dados do agente em execução em seus servidores de origem e gravam esses dados nos volumes de teste do Amazon EBS. Seus dados replicados são compactados e criptografados em trânsito e podem ser criptografados em repouso usando a criptografia do EBS. O AWS MGN mantém seus servidores de origem atualizados na AWS usando replicação de dados contínua em nível de bloco. Ele usa suas configurações de inicialização definidas para iniciar instâncias quando você realiza testes sem interrupções ou uma transição.

Teste e transição
Ao iniciar instâncias de teste ou transição, o AWS MGN converte automaticamente seus servidores de origem para inicializar e executar na AWS de modo nativo. Depois de confirmar que suas instâncias iniciadas estão operando corretamente na AWS, você pode desativar seus servidores de origem. Você pode então optar por modernizar suas aplicações, aproveitando produtos e recursos adicionais da AWS.

Leia a documentação técnica »

Recursos do AWS CloudShell
Acelere a migração

Saiba como acelerar sua migração em grande escala para a AWS com o AWS Migration Acceleration Program.

Saiba mais 
Cadastre-se para obter uma conta da AWS
Cadastre-se para obter uma conta gratuita

Obtenha acesso instantâneo ao nível gratuito da AWS. 

Cadastre-se 
Comece a criar com o AWS CloudShell
Comece a criar no console

Comece a usar o AWS Application Migration Service.

Fazer login