Crie um fluxo de trabalho que permita que suas equipes de aplicativos integrem seus aplicativos ao AppStream 2.0. Com esse fluxo de trabalho, suas equipes de aplicativos não precisam de acesso ao Console de gerenciamento da AWS ou de experiência em computação em nuvem.

  • Configure e verifique um identidade de endereço de e-mail usando o Amazon Simple Email Service (SES). O Amazon SES envia e-mails aos usuários que se cadastram para a integração de aplicativos empresariais.
  • Crie uma política e uma função usando o AWS Identity and Access Management (IAM).
  • Crie seis funções usando o AWS Lambda. As funções lidam com provisionamento para todos os recursos e para o acesso do AppStream 2.0.
  • Crie uma máquina de estado do AWS Step Functions. A máquina de estado é iniciada com um comando POST de uma página da web enviado por meio do Amazon API Gateway. A máquina de estado inicia cada função Lambda e garante que a função seja concluída com sucesso antes do início da próxima.
  • Configure o API Gateway para lidar com solicitações da web recebidas e passar as informações ao AWS Step Functions.
  • Habilite a hospedagem de sites para o Example Corp. Portal de integração de aplicativos corporativos usando o Amazon Simple Storage Service (Amazon S3).

A arquitetura do aplicativo usa o Amazon S3, o Amazon API Gateway, o AWS Lambda, o Amazon AppStream 2.0, o AWS Step Functions e o Amazon SES, conforme mostrado no diagrama a seguir.

Application_architecture

Este projeto inclui seis módulos. Você deve concluir cada módulo antes de prosseguir para o próximo.

  1. Personalize o endereço DE usado para comunicações por e-mail com seus usuários
  2. Criar um back-end sem servidor
  3. Criar uma máquina de estado
  4. Implantar uma API RESTful
  5. Hospedar um site estático
  6. Teste sua configuração

Experiência da AWS: recomendamos familiaridade com o AppStream 2.0 e outros serviços da AWS. Se você estiver começando a usar o AppStream 2.0, consulte o Guia de conceitos básicos do AppStream 2.0. Este guia descreve como:

  • Instalar e configurar dois aplicativos. 
  • Executar tarefas administrativas básicas usando o console do AppStream 2.0.
  • Provisionar uma rede virtual no Amazon Virtual Private Cloud (Amazon VPC) usando um modelo fornecido pelo AWS CloudFormation.

Tempo para a conclusão: 1,5 horas para os módulos 1 a 5. No módulo 6, o tempo necessário para os recursos do AppStream 2.0 serem provisionados variará, dependendo da sua configuração.

Custo para a conclusão:  alguns dos serviços usados neste projeto são elegíveis para o nível gratuito da AWS. Para identificar os serviços elegíveis, consulte Nível gratuito da AWS. Se você estiver fora dos limites de uso do nível gratuito, o custo total para a conclusão deste projeto variará, dependendo das suas necessidades e da sua onfiguração. Para reduzir custos, recomendamos que você encerre os recursos que estão associados ao seu projeto depois que você o concluir. Se você optar por não encerrar os recursos, recomendamos que você interrompa suas frotas e construtores de imagens quando não os estiver usando.
 
Pré-requisitos: para concluir este tutorial, você precisará de:
  • Uma conta da AWS: isso permite que você comece a usar o AppStream 2.0 e outros serviços da AWS. Para obter mais informações, consulte Como criar e ativar uma nova conta na Amazon Web Services?
  • Uma VPC: a VPC deve ter duas sub-redes privadas, uma sub-rede pública e um grupo de segurança. Para garantir que tem a configuração necessária, tome uma das seguintes medidas:
    • Use a VPC e o grupo de segurança padrão fornecidos pela AWS para a Região da AWS aplicável. Para obter mais informações, consulte VPC e sub-redes padrão e o Guia do usuário do Amazon Virtual Private Cloud.
    • Use um modelo do CloudFormation para criar e configurar a VPC necessária. Para obter mais informações, consulte a Etapa 2. Crie recursos de rede no Guia de conceitos básicos do AppStream 2.0.
    • Use uma VPC e um grupo de segurança existentes que cumpram esses requisitos
    • Crie e configure uma nova VPC e um novo grupo de segurança. Para obter mais informações, consulte Criar uma VPC, Criar uma sub-rede na sua VPC e Criar um grupo de segurança no Guia do usuário do Amazon Virtual Private Cloud. 
  • Contas de e-mail: tenha acesso a pelo menos um endereço de e-mail de usuário de teste para concluir a configuração descrita neste projeto.