Como o DNS do ELB e o fluxo de tráfego operam com diferentes configurações de balanceamento de carga entre zonas?

Data da última atualização: 06/04/2022

Eu habilitei o Elastic Load Balancer (ELB) para duas zonas de disponibilidade, mas apenas um endereço IP é exibido no DNS.

Breve descrição

Com Application Load Balancers, o balanceamento de carga entre zonas está sempre habilitado. No entanto, com Network Load Balancers e Gateway Load Balancers, o balanceamento de carga entre zonas está desabilitado por padrão.

Quando o balanceamento de carga entre zonas está desabilitado, uma zona de disponibilidade deve ter pelo menos um destino íntegro em cada grupo de destinos. Quando o balanceamento de carga entre zonas está habilitado, uma zona de disponibilidade pode ter pelo menos um destino íntegro em cada grupo de destinos em qualquer zona de disponibilidade. Cada condição mantém a integridade da zona de disponibilidade e permite adicionar o endereço IP do nó do Network Load Balancer correspondente ao DNS do Network Load Balancer.

Resolução

Quando o balanceamento de carga entre zonas está desabilitado

Veja a seguir um exemplo de quando o balanceamento de carga entre zonas está desabilitado entre duas zonas de disponibilidade, AZ1 e AZ2.

A zona de disponibilidade 1 (AZ1) tem dois grupos de destinos, A e B, cada um com seu próprio destino, A1 e B1. O destino A1 não está íntegro e o destino B1 está íntegro. Como o destino A1 não está íntegro, a AZ1 também não está íntegra.

A zona de disponibilidade 2 (AZ2) também tem dois grupos de destinos, A e B, cada um com seu próprio destino, A2 e B2. Os destinos A2 e B2 estão íntegros. Como cada destino em ambos os grupos de destinos está íntegro, a AZ2 está íntegra.

O Network Load Balancer inclui apenas o endereço IP da AZ2 no DNS do Network Load Balancer porque a AZ2 é a única zona de disponibilidade íntegra. Como resultado, quando você resolve o domínio do Network Load Balancer, o endereço IP da AZ2 é o único que aparece.

Então, o tráfego é roteado pelo nó do Network Load Balancer na AZ2 para o destino íntegro no grupo de destinos correspondente. Se houver vários destinos íntegros em um grupo de destinos, um único destino será selecionado com base no algoritmo de roteamento do balanceador de carga.

Se nenhuma das duas zonas de disponibilidade estiver íntegra, o Network Load Balancer não abrirá. Cada endereço IP do Network Load Balancer é adicionado ao DNS do balanceador de carga.

Quando o balanceamento de carga entre zonas está habilitado

Veja a seguir um exemplo de quando o balanceamento de carga entre zonas está habilitado usando as mesmas zonas de disponibilidade, AZ1 e AZ2:

Na AZ1, o destino A1 não está íntegro e o destino B1 está íntegro. Na AZ2, ambos os destinos, A2 e B2, estão íntegros. Como cada zona de disponibilidade tem pelo menos um destino íntegro, o Network Load Balancer inclui os dois endereços IP no DNS para o nome de host do Network Load Balancer.

Então, o tráfego é roteado para qualquer um dos Network Load Balancers e encaminhado para os destinos nos grupos de destinos correspondentes. Se houver vários destinos íntegros em um grupo de destinos, um destino será selecionado com base no algoritmo de roteamento do balanceador de carga.

Se nem o destino B1 na AZ1 nem o destino B2 na AZ2 estiverem íntegros, nenhuma das duas zonas de disponibilidade estará íntegra. Como nenhuma das zonas de disponibilidade está íntegra, o Network Load Balancer não abre. Cada endereço IP do Network Load Balancer é adicionado ao DNS do balanceador de carga. Como resultado, quando você resolve o domínio, os endereços IP de ambas as zonas de disponibilidade são exibidos.


Este artigo ajudou?


Precisa de ajuda com faturamento ou suporte técnico?