Como instalo o WordPress em uma instância do Lightsail em vez de usar o blueprint do WordPress fornecido pela Bitnami?

Última atualização: 25/10/2021

Quero instalar a aplicação WordPress na minha instância do Amazon Lightsail em vez de usar o blueprint do WordPress do Lightsail fornecido pela Bitnami. Como faço isso?

Breve descrição

O Amazon Lightsail fornece blueprints do WordPress que você pode usar para iniciar e começar a usar a aplicação WordPress. Essa aplicação WordPress é empacotada pela Bitnami. Em vez de usar essa pilha Bitnami, você pode instalar o WordPress manualmente em suas instâncias do sistema operacional Lightsail, como Amazon Linux 2, Ubuntu, CentOS e assim por diante. A resolução a seguir abrange as etapas para instalar o WordPress nas principais distribuições Linux disponíveis no Lightsail.

Antes de começar, esteja ciente do seguinte:

  • O WordPress recomenda o uso do Apache ou do NGINX como um serviço de hospedagem preferencial. A resolução a seguir instala o Apache.
  • O WordPress tem requisitos mínimos para as versões PHP e MariaDB que são usadas para seus pacotes mais recentes. Pelo menos, o PHP7.3 e MariaDB 10.2 são sugeridos. É uma prática recomendada usar versões mais recentes desses pacotes para usar as distribuições Linux mais recentes disponíveis no Amazon Lightsail.
    Para obter mais informações, consulte Server Environment em WordPress.org.
  • O pacote mais recente e os requisitos mínimos do WordPress estão sujeitos a alterações. A resolução a seguir usa as configurações suportadas e recomendadas pelo WordPress a partir de outubro de 2021.
  • A resolução a seguir fornece as etapas básicas de instalação. Você pode personalizar o WordPress adicionando plugins, modificando o firewall no nível do sistema operacional e assim por diante.

Resolução

Para obter instruções sobre como instalar o WordPress no Amazon Linux 2, consulte Host a WordPress blog on Amazon Linux 2.

Instalar uma pilha LAMP

Para instalar o LAMP (Linux, Apache, MariaDB e PHP) em sua instância do Lightsail, consulte How do I install a LAMP stack manually on my Lightsail instance?

Criar o banco de dados e um usuário

O WordPress é um site orientado a banco de dados. Você deve criar um banco de dados e um usuário antes de instalar a aplicação WordPress.

1.    Execute o seguinte comando para inserir o shell do MySQL como raiz:

sudo mysql -u root -p
password: <insert-root-password>

Observação: a senha não aparece quando você a insere para que não fique visível para outros usuários.

2.    Crie um banco de dados e um usuário com uma senha e adicione privilégios ao novo banco de dados:

mysql> CREATE DATABASE databasename;
mysql> GRANT ALL PRIVILEGES ON databasename.* TO 'wordpress_user'@'localhost' IDENTIFIED BY 'PASSWORD';
mysql> FLUSH PRIVILEGES;
mysql> exit;

Observação: substitua databasename pelo nome do banco de dados que você deseja criar. Substitua wordpress_user pelo nome do usuário para o WordPress. Substitua PASSWORD pela senha desejada.

Instale e configure o pacote do WordPress

Para baixar o pacote do WordPress mais recente do site oficial para o diretório /tmp e extrair o pacote para acessar os arquivos de configuração, faça o seguinte:

1.    Baixe o pacote do WordPress mais recente:

cd /tmp
wget https://wordpress.org/latest.tar.gz

2. Execute o seguinte comando para extrair o pacote:

sudo tar -xzvf latest.tar.gz

3.    Mova os arquivos do WordPress para o diretório /var/www/html para que eles fiquem acessíveis por meio do Apache:

sudo cp -pr /tmp/wordpress/* /var/www/html/

4.    Crie o arquivo de configuração do WordPress wp-config.php renomeando o arquivo wp-config-sample.php:

cd /var/www/html
sudo mv wp-config-sample.php wp-config.php

5.    Execute o seguinte comando para abrir o arquivo de configuração do WordPress no editor vi:

sudo vi wp-config.php

6.    Adicione as credenciais do banco de dados. Veja a seguir um exemplo de snippet:

// ** MySQL settings - You can get this info from your web host ** //
/** The name of the database for WordPress */
define( 'DB_NAME', 'databasename' );

/** MySQL database username */
define( 'DB_USER', 'wordpress_user');

/** MySQL database password *
define( 'DB_PASSWORD', 'PASSWORD' );

/** MySQL hostname */
define( 'DB_HOST', 'localhost' );

/** Database charset to use in creating database tables. */
define( 'DB_CHARSET', 'utf8' );

/** The database collate type. Don't change this if in doubt. */
define( 'DB_COLLATE', '' )

Observação: substitua databasename, wordpress_user e PASSWORD pelas credenciais criadas na etapa anterior.

7.    Salve o arquivo pressionando esc, digite :wq! e, em seguida, pressione ENTER.

8.    (Opcional) Em algumas distribuições, como Ubuntu e Debian, a instalação do Apache pode ter adicionado um arquivo preexistente denominado index.html. Esse arquivo causa conflitos com o arquivo index.php do WordPress. Se isso ocorrer, exclua index.html ou mova-o para um arquivo de backup:

$ sudo mv index.html backup_index.html

9.    Reinicie o serviço do Apache:

CentOS e Amazon Linux 2

$ sudo systemctl restart httpd

Versões Ubuntu e Debian

$ sudo systemctl restart apache2

Verifique se a porta está aberta e escutando

A porta 80 está aberta por padrão quando você inicia uma instância do Lightsail. Se você tiver o SSL habilitado para o seu site, certifique-se de abrir a porta 443 para que ela fique acessível pela Internet. Para obter mais informações sobre como adicionar uma regra de firewall à sua instância, consulte Instance firewalls in Amazon Lightsail.

Verificação final

Acesse seu endereço IP público da instância no navegador da Web e confirme se ele vai para a página wp-admin/install.php. Agora você pode criar credenciais WP nessa página e, em seguida, acessar o painel do WordPress.


Este artigo ajudou?


Precisa de ajuda com faturamento ou suporte técnico?