O que acontece quando faço uma alteração na configuração do meu cluster do Amazon OpenSearch Service?

Última atualização: 05/08/2021

Estou tentando minimizar o tempo de inatividade durante uma alteração de configuração. O que acontece se eu fizer uma alteração na configuração do cluster do Amazon OpenSearch Service?

Resolução

Quando você altera a configuração do cluster do OpenSearch Service, uma implantação azul/verde pode ser acionada. Durante uma implantação azul/verde, um estado de cluster muda para “Processando” enquanto um novo domínio do OpenSearch Service está sendo criado. Quando o novo domínio é criado, ocorre o seguinte:

  • O número total de nós é duplicado. Ou, o número total de nós é igual à contagem de nós no domínio antigo e no novo.
  • O número de nós é dobrado até que os nós de domínio antigos sejam encerrados.
  • Se uma alocação de fragmento estiver finalmente em andamento, o estado do cluster retornará para “Ativo”.

Observação: durante a implantação azul/verde, você pode observar alguma latência. Para evitar problemas de latência, é uma prática recomendada executar a implantação azul/verde quando o cluster estiver íntegro e houver baixo tráfego de rede.

Duração da alteração de configuração

A alteração na configuração pode demorar mais, dependendo do tamanho do cluster, da workload, do tamanho do fragmento e da contagem de fragmentos. Use o comandocat recovery para monitorar o status da realocação do fragmento.

Para ver quais fragmentos ainda estão sendo realocados, use a seguinte sintaxe de comando:

Curl  -X GET "cluster_endpoint/_cat/recovery?v=true&pretty" | awk '/peer/ {print $1" "$2" "$3" "$4" "$18}' | grep -v 100\.0\%

Para listar a realocação de fragmentos por porcentagens de bytes, use a seguinte sintaxe de comando:

Curl -X GET "https://<end_point>/_cat/recovery?v=true&pretty" | awk '/peer/ {print $1" "$2" "$3" "$4" "$18}' | tr -d "%" | sort -k 5 -n

Observação: para classificar os dados por porcentagem de bytes (que está na quinta coluna), você deve especificar “5" para-k.

Se você observar um progresso mínimo para a realocação de fragmento, o cluster pode travar.

Motivos pelos quais o processo de implantação azul/verde está travado

Seu processo de implantação azul/verde pode ficar preso pelos seguintes motivos:

  • Um estado de cluster não íntegro antes da alteração da configuração.
  • Pressão da memória JVM consistentemente alta. Procure manter a pressão da memória JVM abaixo de 75% para evitar problemas de falta de memória (OOM).
  • Utilização de CPU consistentemente alta. Procure manter a utilização da CPU abaixo de 80%.
  • Muitos fragmentos em um cluster ou dimensionamento incorreto de fragmentos. É uma prática recomendada manter a contagem de fragmentos entre 10 GiB e 50 GiB. Para obter mais informações sobre a estratégia de indexação, consulte Escolher o número de fragmentos.
  • Configuração inválida ou muitas alterações de configuração ao mesmo tempo. Certifique-se de verificar suas definições de configuração e aguarde para enviar uma alteração de configuração até que a primeira alteração de configuração seja concluída.
  • Espaço em disco ou capacidade insuficiente para o processo de realocação ou o tipo de instância solicitado.
  • Falta de IPs disponíveis na sub-rede solicitada para um cluster dentro de uma Virtual Private Cloud (VPC).
  • Usando o tamanho do volume para o tipo de instância. O tamanho do volume deve estar dentro do intervalo limite.
  • Usar configurações de índice como "index.routing.allocation.require._name" ou "NODE_NAME" ou "index.blocks.write": true". Essas configurações indicam um bloco de gravação. Certifique-se de remover essas configurações das configurações de índice antes de continuar.

Para mais informações, consulte Por que o domínio do Amazon OpenSearch Service não sai do estado “Processing” (Processando)?

O Amazon OpenSearch Service é o sucessor do Amazon Elasticsearch Service.


Este artigo ajudou?


Precisa de ajuda com faturamento ou suporte técnico?