A Worldreader é uma organização sem fins lucrativos dos EUA e da Europa cuja missão é disponibilizar livros digitais para crianças na África. A organização disponibilizou 100 mil livros eletrônicos em Amazon Kindles, bem como suas ideias transformadoras e poderosas, para mil crianças em Gana, no Quênia e em Ruanda. Como resultado, essas crianças estão lendo mais e melhor, além de estarem aperfeiçoando suas comunidades. Agora, com o apoio do FC Barcelona, a Worldreader deseja doar 1 milhão de livros eletrônicos para crianças na África.

Ao descobrir que existiam crianças em partes da África que nunca tiveram acesso a livros, a Worldreader assumiu a missão de melhorar as vidas de crianças ao revolucionar a educação por meio da tecnologia digital. Como já havia redes sem fio disponíveis em algumas das partes mais remotas do país, a Worldreader definiu como missão a disponibilização de uma biblioteca portátil em Kindle E-readers para crianças na África.

A Worldreader já havia disponibilizado 100 mil livros eletrônicos para mil crianças quando estabeleceu uma nova meta: arrecadar fundos até o dia 31 de dezembro de 2012 para enviar um milhão de livros eletrônicos para crianças na África.

Para divulgar o seu objetivo, a Worldreader formou uma parceria com o FC Barcelona, time de futebol internacionalmente conhecido. Com 31 milhões de "curtidas" e 781 mil seguidores no Facebook e mais 5 milhões de seguidores no Twitter, a Worldreader sabia que seria necessário um site que pudesse escalar para administrar o aumento nas visitas do site quando a campanha fosse lançada.

"Há poucas semanas do lançamento da nossa campanha com o FC Barcelona, nós percebemos que se o time de futebol fizesse uma campanha de marketing com força total, nosso site provavelmente travaria", disse David Risher, CEO e cofundador da Worldreader. "Não podíamos correr o risco de perder doações, pois elas são a força motriz de qualquer organização sem fins lucrativos. Optamos pela Amazon Web Services (AWS) porque desejávamos uma solução cujo pagamento fosse estritamente de acordo com o uso. Isso garantiria que o dinheiro de nossos benfeitores seria usado para comprar livros para crianças e não para a infraestrutura."

Ao planejar uma campanha de marketing com várias estratégias, a Worldreader sabia que o tráfego em seus sites aumentaria, embora não pudesse estimar com precisão esse aumento. Isso resultou em dois problemas: a) obter uma plataforma escalável e b) fazer isso em apenas dias sem que isso impedisse a realização de testes ou gerasse períodos de inatividade. Desta forma, a Worldreader buscou ajuda com um parceiro da AWS, a Transcend Computing, Inc., cujos recursos inerentes apresentavam a capacidade de criar aplicações de nuvem.

A Transcend, por meio da sua capacidade de gerar modelos do AWS CloudFormation, possibilitou rapidamente a geração, o teste e o ajuste automáticos da arquitetura de nuvem da Worldreader. Ao usar o AWS CloudFormation e os serviços compatíveis com a AWS, a Transcend conseguiu gerar os modelos necessários para executar o site da Worldreader na AWS em apenas três dias e, ao mesmo tempo, permitiu a edição contínua de conteúdo, além de testes no site, apresentando zero períodos de inatividade de produção.

A Transcend gerou modelos do AWS CloudFormation que automatizam a criação e a gestão de vários sites que escalam automaticamente com balanceamento de carga entre eles. Os modelos permitem o ajuste de recursos da AWS alocados de modo dinâmico (ex.: instâncias de computação e capacidade do banco de dados) conforme for necessário para administrar o carregamento do tráfego do site. Quando o tráfego diminui, o sistema reduz automaticamente a escala vertical do uso de recursos da AWS para cortar custos.

Como a Worldreader não podia prever o tráfego futuro do site, os serviços de nuvem escaláveis e sob demanda disponibilizados pela AWS foram a solução ideal. Além disso, a escalabilidade da Nuvem AWS combinada com o modelo de pagamento conforme o uso ajudou simultaneamente a minimizar os custos e manter o desempenho ideal. "Desejávamos uma solução que aumentasse e reduzisse a escala vertical facilmente para que pudéssemos controlar o volume sem pagar por recursos que não eram necessários", comentou Risher.

Por meio da Transcend, a equipe de migração disponibilizou a solução da AWS em dias, exatamente como a Worldreader precisava. Isso incluiu a capacidade de reagir rapidamente a novos conteúdos de marketing com alta disponibilidade, desempenho máximo e contenção de custos. Além disso, foi possível proporcionar a melhor experiência de usuário sem ultrapassar o orçamento. "A decisão da Worldreader de migrar para a nuvem não apenas reduziu o tempo de entrada no mercado significativamente", disse Jeff Schneider, CEO e fundador da Transcend, "como também economizou dólares valiosos para serem empregados na causa e não em uma infraestrutura dispendiosa ou na mão de obra necessária para executá-la."

Para saber mais sobre como a AWS pode ajudar a executar sites na nuvem, acesse: http://aws.amazon.com/websites/.

Para obter mais informações sobre como a Transcend Computing pode ajudar empresas a executar infraestrutura na Nuvem AWS, consulte as informações da Transcend Computing no Diretório de parceiros da AWS.