Crie e teste seu código

O AWS CodeBuild executa criações em ambientes pré-configurados de criação que contêm as ferramentas de sistema operacional, tempo de execução de linguagem de programação e criação (ex.: Apache Maven, Gradle, npm) exigidas para concluir a tarefa. Basta especificar a localização do código-fonte e selecionar configurações para a criação, como o ambiente de criação para usar e os comandos de criação para executar durante uma criação. O AWS CodeBuild cria o código e armazena os artefatos em um bucket do Amazon S3 ou é possível usar um comando de criação para fazer o upload deles em um repositório de artefatos. É possível criar, gerenciar e iniciar projetos de criação usando o AWS CodePipeline, o Console de Gerenciamento da AWS, as AWS CLIs ou os SDKs.

Ambientes de criação pré-configurados

O AWS CodeBuild disponibiliza ambientes de compilação para Java, Python, Node.js, Ruby, Go, Android, NET Core for Linux e Docker.

Veja uma lista completa de ambientes de criação pré-configurados aqui

Personalize ambientes de criação

É possível trazer seus próprios ambientes de criação para usá-los no AWS CodeBuild, como para o Microsoft .NET Framework. É possível empacotar o tempo de execução e as ferramentas para a sua criação em uma imagem de docker e fazer o upload para um repositório público Docker Hub ou no Amazon EC2 Container Registry (Amazon ECR). Ao criar um novo projeto de criação, será possível especificar a localização da imagem de docker. O CodeBuild extrairá a imagem e a usará como a configuração do projeto de criação. 

Configurações que podem ser alteradas

Especifique comandos de criação

É possível definir os comandos específicos que você deseja que o AWS CodeBuild execute, como a instalação de pacotes de ferramentas, a execução de testes de unidade e o empacotamento do código. A especificação da criação é um arquivo YAML que permite escolher os comandos para executar a fase da criação e outras configurações. O CodeBuild ajuda a começar a trabalhar rapidamente com arquivos de exemplo de especificação de criação para cenários comuns, como criações usando Apache Maven, Gradle ou npm.

Veja os arquivos de exemplo de especificação de criação aqui.

Selecione o tipo de computação

É possível selecionar o tipo de computação mais indicado para as suas necessidades de desenvolvimento. É possível escolher entre três níveis de capacidade computacional que variam de acordo com a quantidade de CPU e memória. Isso permite escolher uma computação mais elevada de CPU e memória, caso deseje que suas criações sejam concluídas mais rapidamente ou caso elas exijam um nível mínimo de CPU e memória para serem concluídas.  O CodeBuild tem suporte para os sistemas operacionais Linux e Windows.

Escolha as integrações de origem

É possível iniciar criações usando o AWS CodeBuild de várias maneiras. Por exemplo, é possível iniciar criações no CodeBuild depois de estabelecer conexão com o AWS CodeCommit, o GitHub ou o Amazon S3. Também é possível conectar-se ao CodeBuild e ao repositório de origem usando o AWS CodePipeline, que inicia automaticamente uma criação toda vez que uma alteração é confirmada.

Integração contínua e fluxos de trabalho de entrega

A computação sob demanda do AWS CodeBuild e o modelo de pagamento conforme o uso permitem criar e integrar código com maior frequência, o que ajuda a detectar e corrigir erros no processo de desenvolvimento quando eles são fáceis de consertar. É possível integrar o CodeBuild no fluxo de trabalho atual de integração contínua e entrega contínua (CI/CD) usando suas integrações de origem, comandos de criação ou integração com Jenkins. O CodeBuild também pertence a uma família do AWS Code Services que ajuda você a realizar a CI/CD. É possível conectar o CodeBuild no AWS CodePipeline, o que automatiza a criação e o teste de código no CodeBuild toda vez que uma alteração é confirmada no repositório de origem. É possível criar esse fluxo de trabalho de CI ao usar o assistente do AWS CodePipeline para conectar-se com o repositório de origem e, depois, selecionar o CodeBuild como o fornecedor de criação.

É possível estender facilmente o fluxo de trabalho de integração contínua até a entrega contínua com o CodePipeline ao integrar ferramentas de terceiros de carga ou teste de interface de usuário (ex.: BlazeMeter, Ghost Inspector) iniciadas depois que o CodeBuild conclui a criação. Em seguida, será possível implantar instâncias ou servidores locais usando os serviços integrados ao AWS CodePipeline, como o AWS CodeDeploy e o AWS Elastic Beanstalk.

Segurança e permissões

Os artefatos de criação serão criptografados com chaves específicas do cliente gerenciadas pelo AWS Key Management Service (KMS). O AWS CodeBuild está integrado ao AWS Identity and Access Management para definir controles sobre quais usuários e recursos da AWS terão acesso aos builds.

Monitoramento

É possível usar o console do AWS CodeBuild; a ILC, os SDKs e as APIs da AWS ou o Amazon CloudWatch para consultar informações detalhadas sobre os builds. O AWS CodeBuild mostra informações como hora inicial, hora final, status e ID de confirmação do build. Além disso, o CodeBuild envia métricas e logs do build para o CloudWatch. Você pode usar o CloudWatch para criar um painel personalizado, definir um alarme do CloudWatch, resolver problemas de builds ou inspecionar logs de builds.

Saiba mais sobre a definição de preço do AWS CodeBuild

Acesse a página de definição de preço
Pronto para compilar?
Comece a usar o AWS CodeBuild
Tem outras dúvidas?
Entre em contato conosco