Getting Started with Amazon EC2 Spot Instances

As instâncias spot do Amazon EC2 oferecem a capacidade computacional extra disponível na Nuvem AWS com descontos substanciais em relação às instâncias sob demanda.

Instâncias spot permitem economizar até 90% em big data, contêineres, CI/CD, HPC e outras cargas de trabalho tolerantes a falhas. Ou escale o throughput da carga de trabalho em até 10x e permaneça dentro do orçamento existente.

O que são instâncias spot? (2:10)

Como começar

Os conceitos básicos sobre instâncias spot são simples. Em primeiro lugar, identifique as cargas de trabalho mais adequadas para serem executadas em Instâncias spot. Depois, execute uma Instância spot em questão de minutos usando o Console de Gerenciamento da AWS, os serviços integrados da AWS, como EMR, ECS e Auto Scaling, ou a API de frota do EC2. Visite o Guia do usuário do Amazon EC2 e leia as melhores práticas e os recursos a seguir.

1. Saiba antes de executar o spot

  1. Assista a este vídeo para ver quais cargas de trabalho são as mais adequadas para execução nas instâncias spot
  2. Saiba como o modelo de definição de preço do spot funciona, oferecendo preços previsíveis, sem necessidade de fazer ofertas e com economias típicas de 70% a 90% em relação aos preços sob demanda

2. Crie sua primeira instância spot

product-icon_Amazon_EC2_SpotInstances_icon_squid_ink_125
  1. Saiba como as instâncias spot funcionam para executar suas primeiras instâncias spot no Console de Gerenciamento da AWS ou usando o SDK, a ILC ou as APIs da AWS.
  2. Saiba mais sobre como executar instâncias spot para cargas de trabalho como CI/CD, big data, contêineres e renderização

3. Implemente as melhores práticas

  1. Assista a este vídeo para aprender algumas regras simples para execução de instâncias spot a fim de maximizar economias de custo computacionais. Saiba mais
  2. Saiba como minimizar o impacto das interrupções aqui

Como as instâncias spot funcionam

product-page-diagram_EC2-Spot-Instances

Exemplos de casos de uso

Cargas de trabalho conteinerizadas com instâncias spot

Contêineres são stateless, tolerantes a falhas e perfeitamente adequados para instâncias spot do Amazon EC2. Participe deste webinar para aprender como implantar cargas de trabalho conteinerizadas de maneira eficiente e gerenciar clusters de maneira fácil em qualquer escala e por uma fração do custo. Instâncias spot podem ser usadas com o ECS ou Kubernetes para executar qualquer carga de trabalho conteinerizada, desde o sistema distribuído até aplicativos que mapeiam milhões de quilômetros por dia. Saiba mais.

Você sabia que contêineres são perfeitamente adequados para instâncias spot do Amazon EC2? (6:53)

Melhores práticas de big data com o Amazon EMR e instâncias spot do Amazon EC2

Cargas de trabalho de big data em instâncias spot

Instâncias spot oferecem aceleração, escala e profundas economias de custos para executar cargas de trabalho urgentes e de grande escala para análise de dados rápidas. Use instâncias spot com o Amazon EMR, Hadoop ou Spark para processar enormes quantidades de dados. Assista ao vídeo para ver os conceitos básicos do spot do Amazon EC2 e do Amazon EMR para processar imensas quantidades de dados com facilidade, rapidez e economia.


Cargas de trabalho de CI/CD em instâncias spot

Configure o Jenkins com o plug-in do spot EC2 para escalar uma frota de instâncias spot automaticamente dependendo da quantidade de tarefas a serem realizadas. Aumente a economia de custos ao aproveitar instâncias de gerações antigas para CI, visto que esses processos não exigem muitos testes de energia. Os testes de carga, integração, canary e segurança se beneficiam da elasticidade e da redução de preço associadas às instâncias spot.

Você sabia que existe um plug-in de frota do spot Amazon EC2 para Jenkins? (7:42)

Renderização do AWS com Deadline 10 (44:37)

Cargas de trabalho de renderização em instâncias spot

Assista a este webinar para aprender como iniciar com o AWS Thinkbox Deadline e spot Amazon EC2 para ajudar a escalar a renderização dos pipelines usando o portal do AWS. Veja também como você pode aproveitar produtos como Draft e Kigsaw para ajudar a facilitar o gerenciamento de suas tarefas de renderização.


Melhores práticas do spot

Os seus requisitos de tipo de instância e orçamento, e o projeto do aplicativo determinarão como aplicar as melhores práticas para o aplicativo. Veja aqui algumas recomendações.

1. Regras do spot

Aprenda duas regras simples para maximizar as economias de custo computacionais:
  1. Grupos de capacidade do spot têm preços individuais e mudam com pouca frequência
  2. O Amazon EC2 avisará com dois minutos de antecedência quando precisarmos que você devolva a capacidade

2. Flexibilidade de instância

Teste o aplicativo em tipos diferentes de instância, quando possível. Geralmente, quando você se mantém flexível quanto ao tipo de instância, é possível obter maior capacidade computacional pelo mesmo preço, pois os preços oscilam independentemente para cada tipo de instância em uma zona de disponibilidade. Assista a este vídeo para saber mais.

3. API de frota

A frota do EC2 simplifica o provisionamento da capacidade do EC2 em vários tipos de instâncias, AZs e modelos de compra sob demanda, RIs e spot. A mesma funcionalidade está disponível nas frotas de spot. Assista a este vídeo para aprender como misturar instâncias spot e sob demanda para maximizar as economias de custo usando frotas de spot.


Como lidar com interrupções

Automação de notificações de 2 minutos (4:11)

Instâncias spot recebem avisos de dois minutos quando essas instâncias estão prestes a serem recuperados pelo EC2, porque o EC2 precisa da capacidade. Para reduzir o impacto das interrupções, siga as melhores práticas mencionadas acima.

Assista a este vídeo para automatizar as notificações de 2 minutos que recebe quando as instâncias spot são interrompidas pelo Amazon EC2. Você também pode analisar o Spot Instance Advisor para obter a frequência média das interrupções de diferentes grupos do spot.