implantação de referência

Exchange Server na AWS

E-mail, mensagens e agendamento com alta disponibilidade

Este Quick Start implanta automaticamente o Microsoft Exchange Server 2016 ou o Exchange Server 2019 na nuvem da Amazon Web Services (AWS). A implantação inclui o Active Directory Domain Services (Active Directory DS) para serviços de diretório e o Gateway de Área de Trabalho Remota (RD Gateway) para administração remota pela Internet.

O Exchange Server oferece suporte para caixa postal, calendários, conformidade e arquivos eletrônicos. Ao implantar um ambiente do Exchange Server na AWS, você pode escalar o seu ambiente com base na demanda. Você obtém a funcionalidade do Exchange Server e a flexibilidade e segurança da AWS.

Este Quick Start inclui modelos do AWS CloudFormation que automatizam a implantação e um guia que fornece instruções de implantação e configuração passo a passo para ajudar você a começar a usar o Exchange Server na AWS.

AWS-Logo_Full-Color_100x60

Este Quick Start foi desenvolvido por
arquitetos de soluções da AWS.

  •  O que você criará
  •  Como implantar
  •  Custo e licenças
  •  O que você criará
  • Use este Quick Start para configurar automaticamente o seguinte ambiente do Exchange Server na AWS:

    • Um Virtual Private Cloud (VPC) configurado com sub-redes públicas e privadas em duas zonas de disponibilidade, por padrão. Isso oferece a infraestrutura de rede para a sua implantação. Sempre que possível, recomendamos a inclusão de uma terceira zona de disponibilidade para testemunho do compartilhamento de arquivos ou para um nó adicional do Exchange. O uso de três zonas de disponibilidade permite o failover automático de grupos de disponibilidade de banco de dados (DAGs), sem a necessidade de intervenção manual.*
    • Nas sub-redes públicas:
      • Endereços IP elásticos associados ao gateway NAT e instâncias do Gateway RD.*
      • Instâncias do Gateway RD baseadas no Microsoft Windows Server e gateways de network address translation (NAT – conversão de endereços de rede) para acesso de saída à Internet.*
      • (Opcional) servidores de Exchange Edge Transport para o direcionamento de e-mails para dentro e para fora do seu ambiente.
    • Nas sub-redes privadas:
      • Controladores de domínio do Microsoft Active Directory.*
      • Instâncias baseadas no Windows Server como nós do Exchange.
      • Exchange Server Enterprise em cada nó. Essa arquitetura fornece redundância e um servidor testemunha para garantir o estabelecimento de um quorum. A arquitetura padrão espelha uma arquitetura local de duas instâncias do Exchange Server, que abrange duas sub-redes em duas zonas de disponibilidade.
    • Grupos de segurança para permitir um tráfego de fluxo seguro entre as instâncias implantadas na VPC.
    • Amazon Simple Storage Service (Amazon S3) para armazenar e recuperar dados.
    • AWS Secrets Manager para ajudar a criptografar, armazenar e recuperar credenciais para os seus bancos de dados e outros serviços.
    • Um recurso de armazenamento de parâmetros para oferecer armazenamento hierárquico para o gerenciamento de dados de configuração e o gerenciamento de segredos.
    • AWS Certificate Manager (ACM) para fornecer, gerenciar e implantar certificados SSL/TLS em recursos gerenciados pela AWS.

    *  O modelo que implanta o Quick Start em uma VPC existente pulará as tarefas marcadas com asteriscos e solicitará a você a sua configuração de VPC existente.

  •  Como implantar
  • Para construir um ambiente do Exchange Server altamente disponível na AWS, siga as instruções presentes no guia de implantação. O processo de implantação dura aproximadamente 1 hora e meia e inclui as seguintes etapas:

    1. Caso ainda não tenha uma conta da AWS, cadastre-se em https://aws.amazon.com.
    2. Execute o Quick Start, escolhendo entre as seguintes opções:
    3. (Opcional) Crie cópias do banco de dados.
    4. (Opcional) Crie uma entrada de Domain Name System (DNS) para o load balancer.

    Para personalizar sua implantação, você pode escolher diferentes tipos de instância para seus recursos, configurar blocos CIDR e endereços IP e, opcionalmente, incluir servidores de Transporte de Borda do Exchange.

    A Amazon pode compartilhar informações sobre a implantação do usuário com o parceiro da AWS que colaborou no Quick Start.  

  •  Custo e licenças
  • Você é responsável pelo custo dos serviços da AWS usados durante essa implantação de referência do Quick Start. Não há custo adicional pelo uso do Quick Start.

    O modelo do AWS CloudFormation para este Quick Start inclui parâmetros de configuração personalizáveis. Algumas dessas configurações, como o tipo de instância, afetarão o custo da implantação. Para obter estimativas de custo, leia as páginas de definição de preço de cada serviço da AWS que você usará. Os preços estão sujeitos a alterações.

    Você deve obter uma licença do Exchange Server antes de implantar este Quick Start. O Exchange Server pode ser implantado e licenciado por meio do programa de Mobilidade de licenças da Microsoft através de Software Assurance. Para ambientes de desenvolvimento e teste, você pode usar as licenças do MSDN existentes do Exchange Server com instâncias dedicadas do Amazon Elastic Compute Cloud (Amazon EC2). Para detalhes, consulte a página MSDN na AWS.

    Esta implantação do Quick Start usa uma cópia de avaliação do Exchange Server. Para atualizar sua versão, consulte o site do Microsoft Exchange Server.