implantação de referência

Red Hat OpenShift na AWS

Plataforma de aplicativos de contêiner com orquestração de Kubernetes na Nuvem AWS

Este Quick Start configura uma arquitetura de nuvem e implanta o Red Hat OpenShift Container Platform na AWS.

O Red Hat OpenShift Container Platform é baseado em contêineres Linux formatados pelo Docker, na orquestração do Google Kubernetes e no Red Hat Enterprise Linux (RHEL).

O Quick Start inclui modelos do AWS CloudFormation que criam a infraestrutura da AWS usando as melhores práticas da AWS e passam esse ambiente aos manuais do Ansible para criar o ambiente OpenShift. A implantação provisiona instâncias mestre do OpenShift, instâncias do etcd e instâncias de nós em uma configuração altamente disponível.

Os componentes opcionais incluem o AWS Service Broker, o GlusterFS, o OpenShift Automation Broker e as métricas do Hawkular.

RedHat_OpenShift_sm

Este Quick Start foi desenvolvido pelos
arquitetos de soluções da AWS.

Explorar todas as soluções AWS »
  •  O que você vai criar
  •  Como implantar
  •  Custo e licenças
  •  O que você vai criar
  • Use este Quick Start para configurar automaticamente o seguinte ambiente do Red Hat OpenShift na AWS:

    • Uma Virtual Private Cloud (VPC) que abrange três zonas de disponibilidade, com uma sub-rede privada e uma sub-rede pública em cada zona de disponibilidade.*
    • Um Internet Gateway para fornecer acesso à Internet para cada sub-rede.*
    • Em uma das sub-redes públicas, uma instância de servidor de configuração do Ansible.
    • Nas sub-redes privadas:
      • Três instâncias mestre do OpenShift em um grupo de Auto Scaling
      • Três instâncias do etcd do OpenShift em um grupo de Auto Scaling
      • Um número variável de instâncias de nós do OpenShift em um grupo de Auto Scaling

    O Quick Start posiciona as instâncias do OpenShift em grupos de Auto Scaling, mas não habilita a escalabilidade. O número de instâncias mestre e do etcd é fixo (três, uma em cada zona de disponibilidade). O número dos nós é variável e os nós são distribuídos entre as zonas de disponibilidade selecionadas.

    Os componentes do Auto Scaling do Quick Start usam o Amazon CloudWatch Events e o Run Command do AWS Systems Manager para chamar scripts na instância a fim de configurar instâncias dentro do cluster do OpenShift. Os scripts consultam as APIs de Auto Scaling para determinar se foram feitas alterações nos grupos de Auto Scaling dentro do cluster. Se forem encontradas alterações, o script executará a ação adequada. Por exemplo, em um evento de escalabilidade horizontal, o script gera metadados relacionados ao cluster para as novas instâncias. Na remoção de instâncias, o script remove definições de nós do inventário de hosts do Ansible.

    O Quick Start também oferece implantações opcionais do AWS Service Broker, que fornece acesso direto aos serviços da AWS no Red Hat OpenShift Container Platform; do GlusterFS, que fornece armazenamento persistente de leitura-escrita-muitos (RWX) para o cluster; e do OpenShift Automation Broker, que ajuda a gerenciar aplicativos do Kubernetes.

    *  O modelo que implanta o Quick Start em uma VPC existente ignora as tarefas marcadas com asteriscos e solicita a configuração dessa VPC existente.

  •  Como implantar
  • Para criar seu ambiente do Red Hat OpenShift na AWS, siga as instruções no guia de implantação. O processo de implantação inclui as seguintes etapas:

    1. Cadastre-se em uma assinatura do Red Hat.
    2. Caso ainda não tenha uma conta da AWS, cadastre-se em https://aws.amazon.com.
    3. Inicie o Quick Start. Cada implantação demora cerca de uma hora e meia. Você pode escolher entre duas opções:
    4. Se estiver usando um serviço de DNS que não seja o Amazon Route 53, configure o DNS.
    5. Verifique a implantação usando a Interface da Linha de Comando (ILC) do OpenShift e conecte-se ao console web do OpenShift.

    Para personalizar a implantação, você pode configurar a infraestrutura, os nós do OpenShift, as definições do DNS e os componentes opcionais.

  •  Custo e licenças
  • Você é responsável pelo custo dos serviços da AWS usados durante essa implantação de referência do Quick Start. Não há custo adicional pelo uso do Quick Start.

    O modelo do AWS CloudFormation para este Quick Start inclui parâmetros de configuração personalizáveis. Algumas dessas configurações, como o tipo de instância, afetarão o custo da implantação. Para obter estimativas de custo, leia as páginas de definição de preço de cada serviço da AWS que você usará. Os preços estão sujeitos a alterações.

    Este Quick Start exige uma assinatura do Red Hat.