O que é uma VPN?

Uma VPN ou rede privada virtual cria uma conexão de rede privada entre dispositivos através da Internet. As VPNs são usadas para transmitir dados de forma segura e anônima em redes públicas. Elas funcionam mascarando os endereços IP do usuário e criptografando os dados para que se tornem ilegíveis por qualquer pessoa não autorizada a recebê-los.

Vamos responder a algumas perguntas frequentes sobre VPNs.

Para que serve uma VPN?

Os serviços VPN são usados principalmente para enviar dados com segurança pela Internet. As três principais funções das VPNs são:

1. Privacidade

Sem uma rede privada virtual, seus dados pessoais como senhas, informações de cartão de crédito e histórico de navegação podem ser registrados e vendidos por terceiros. As VPNs usam criptografia para manter essas informações confidenciais privadas, especialmente ao se conectar em redes Wi-Fi públicas. 

2. Anonimato

Seu endereço IP contém informações sobre sua localização e atividade de navegação. Todos os sites na Internet rastreiam esses dados usando cookies e tecnologia semelhante. Eles podem identificá-lo sempre que você os visitar. Uma conexão VPN oculta seu endereço IP para que você permaneça anônimo na Internet.

3. Segurança

Um serviço de VPN usa criptografia para proteger sua conexão com a Internet contra acesso não autorizado. Ele também pode atuar como um mecanismo de desligamento, encerrando programas pré-selecionados em caso de atividade suspeita na Internet. Isso diminui a probabilidade de os dados serem comprometidos. Esses recursos permitem que as empresas forneçam acesso remoto a usuários autorizados em suas redes empresariais.

AWS re:Invent 2018: AWS VPN Solutions (NET304)
Saiba mais sobre os serviços de nuvem da VPN »

Como uma VPN funciona?

Uma conexão VPN redireciona os pacotes de dados de sua máquina para outro servidor remoto antes de enviá-los a terceiros pela Internet. Os principais princípios por trás da tecnologia VPN incluem:

Protocolo de tunelamento

Uma rede privada virtual basicamente cria um túnel de dados seguro entre sua máquina local e outro servidor VPN em um local a milhares de quilômetros de distância. Quando você fica online, esse servidor VPN se torna a origem de todos os seus dados. Seu provedor de serviços de Internet (ISP) e outros terceiros não podem mais ver o conteúdo do seu tráfego de Internet. 

Criptografia

Protocolos VPN como o IPSec embaralham seus dados antes de enviá-los pelo túnel de dados. O IPsec é um conjunto de protocolos para proteger as comunicações de Protocolo da Internet (IP) por meio da autenticação e da criptografia de cada pacote IP de um fluxo de dados. O serviço de VPN atua como um filtro, tornando seus dados ilegíveis em uma extremidade e apenas decodificando-os na outra, isso impede o uso indevido de dados pessoais, mesmo que sua conexão de rede seja comprometida. O tráfego de rede não é mais vulnerável a ataques e sua conexão com a Internet é segura.

Por que você deve usar uma VPN?

Para acesso público seguro à Internet

As redes privadas virtuais tornam a atividade na Web em qualquer lugar mais segura para todos. As pessoas hoje estão acostumadas a ler notícias no café, verificar e-mail no supermercado ou fazer login em contas bancárias em seus dispositivos móveis. Esse tipo de conexão com a Internet é vulnerável a hackers, pois a atividade na Web é feita por Wi-Fi público. O uso de serviços VPN ao se conectar a hotspots Wi-Fi públicos não seguros mantém seus dados e dispositivos seguros.

Para manter seu histórico de pesquisa privado

Não é segredo que seu provedor de serviços de Internet e navegador da Web rastreiam seu histórico de pesquisa. Eles podem e geralmente vendem seu histórico de navegação para fins de marketing. Por exemplo, procurar artigos sobre torneiras com vazamento pode resultar em anúncios direcionados de encanadores locais. Sua conexão VPN vai protegê-lo do uso indevido de dados.

Para acessar serviços de transmissão globalmente

Quando você viaja para fora do seu país de origem, seus serviços de transmissão pagos podem não estar disponíveis devido a termos e regulamentos contratuais. Sua conexão VPN permitirá que você altere seu endereço IP de seu país de origem e permita o acesso aos seus programas favoritos de onde você estiver.

Para proteger sua identidade

Ao mantê-lo anônimo, os serviços VPN protegem você da vigilância digital. Eles impedem que seus comentários e conversas na Internet sejam rastreados e protegem seu direito à liberdade de expressão, desde que você não use sua identidade real nas plataformas de mídia social.

Como configurar uma VPN?

Existem duas maneiras comuns de acessar serviços VPN para pessoas:

1. Use um provedor de VPN

Você pode escolher um serviço de VPN que pode ser acessado pelo navegador ou baixando um aplicativo ou software para o seu dispositivo. Esses são serviços baseados em assinatura que normalmente cobram por dispositivo. Portanto, a configuração deles pode ser muito cara. Além disso, cada dispositivo precisa ser configurado individualmente.

2. Use um roteador VPN

Isso envolve a compra de um roteador com uma conexão VPN pré-instalada ou a instalação do software VPN no seu roteador doméstico. A vantagem dessa abordagem é que todos os dispositivos que acessam a Internet por meio desse roteador ficam protegidos automaticamente. 

Como escolher o melhor provedor de VPN?

Com tantas opções disponíveis, escolher o serviço de VPN certo pode parecer um desafio. Use a lista de verificação abaixo para avaliar os diferentes provedores de VPN e fazer a melhor escolha para você:

1. Políticas de registro em log

Os melhores provedores de VPN têm políticas mínimas ou sem registro em log para impedir violações de dados.

2. Software atualizado

As melhores conexões VPN usam o protocolo de tunelamento mais recente. O protocolo OpenVPN fornece segurança mais robusta do que outros. É um software de código aberto compatível com todos os principais sistemas operacionais.

3. Limite de largura de banda

Todos os serviços têm limitações de uso de dados. Você precisará escolher um provedor de VPN que atenda às suas necessidades de dados dentro do orçamento.

4. Localizações do servidor VPN

Você deve garantir que seu provedor de VPN tenha um servidor localizado no país em que você precisa de acesso privado à Internet.

Como escolher entre VPNs pagas e gratuitas?

As VPNs gratuitas são úteis se você estiver com orçamento limitado. No entanto, é importante observar que a principal fonte de receita dos provedores de VPN gratuitos é a publicidade. Você pode esperar que a publicidade direcionada ou o registro em log de dados e as políticas de venda sejam ocultados nos termos e condições.

A maioria das VPNs gratuitas:  

  • Não oferece os protocolos de VPN mais atualizados  
  • Não oferecem suporte técnico de qualidade   
  • Têm baixa largura de banda e velocidade mais lenta para usuários gratuitos      
  • Têm uma taxa de desconexão mais alta
  • Têm distribuição geográfica limitada de servidores VPN

Por que as empresas usam VPNs?

As VPNs são uma maneira econômica, de alta velocidade e segura de conectar usuários remotos à rede do escritório. Como as conexões VPN geralmente são feitas pela Internet pública, elas podem ser mais baratas e oferecer maior largura de banda quando comparadas a links dedicados de WAN (rede de longa distância) ou links de discagem remota de longa distância. As conexões VPN fornecem às empresas acesso privado à Internet de alta largura de banda em comparação com links dedicados de LAN ou WAN (rede de longa distância) ou links de discagem remota de longa distância.

Como as empresas usam VPNs?

Existem três maneiras principais pelas quais as empresas usam uma VPN:

1. VPN site a site

Uma VPN site a site atua como uma rede privada interna para empresas com vários locais separados geograficamente. Ela conecta diferentes intranets de forma integrada e segura, permitindo que os funcionários compartilhem recursos entre diferentes redes internas. O AWS Site-to-Site VPN é um serviço de VPN totalmente gerenciado que cria uma conexão segura entre a rede do escritório e os recursos da AWS usando túneis IP Security (IPSec). Para aplicações distribuídas globalmente, esta opção oferece excelente performance. Ela pode ser atualizada para rotear de forma inteligente o tráfego da VPN para o endpoint da rede AWS geograficamente mais próximo. Ela também conecta os datacenters e filiais de uma empresa a aplicações e serviços baseados na nuvem sem expor dados confidenciais.

2. VPN do cliente ou VPN aberta

Na VPN do cliente, o administrador da rede é responsável por instalar e configurar o serviço de VPN. O arquivo de configuração é então distribuído para os clientes, ou usuários finais, que precisam de acesso. O cliente pode então estabelecer uma conexão VPN de seu computador local ou dispositivo móvel com a rede da empresa. A VPN do cliente da AWS é uma solução de VPN de acesso remoto totalmente gerenciada que os funcionários podem usar para acessar recursos com segurança na AWS e nas redes empresariais on-premises. Totalmente elástica, ela aumenta ou reduz automaticamente a escala na vertical com base na demanda. 

3. SSL VPNA

A SSL VPN (Secure Sockets Layer Virtual Private Network) fornece acesso remoto seguro por meio de um portal da Web e um túnel protegido por SSL entre um dispositivo privado e a rede do escritório. Para equipes remotas de grande porte, pode se tornar caro fornecer a cada membro um dispositivo da empresa. Nesse caso, a SSL VPN se torna uma opção econômica. 

Como obter uma AWS VPN?

A AWS VPN oferece dois serviços valiosos: AWS Site-to-Site VPN e VPN do cliente da AWS. O AWS Site-to-Site VPN permite que você conecte com segurança sua rede on-premises ou o escritório da filial ao Amazon Virtual Private Cloud (Amazon VPC). A VPN do cliente da AWS permite conectar usuários com segurança à AWS ou a redes on-premises. Saiba mais sobre como conectar seu escritório à AWS aqui.

Para começar, basta se cadastrar para obter uma conta gratuita da AWS e configurar a VPN do cliente ou à VPN site a site hoje mesmo.

Publicações do blog de redes e entrega de conteúdo

Leia as publicações do blog que apresentam todos os serviços da AWS de redes e entrega de conteúdo para saber mais sobre os principais casos de uso, as práticas recomendadas, a liderança de ideias e como aproveitar recursos importantes. Consulte também artigos de blog específicos da AWS VPN.

Scale your remote access VPN on AWS (Escale sua VPN de acesso remoto na AWS)

A AWS oferece a capacidade de estender as soluções de VPN de acesso remoto on-premises existentes para a nuvem. Isso não só permite o acesso a recursos na AWS, mas também o uso de conectividade híbrida, também a recursos on-premises. Os clientes da VPN usam a conectividade com a Internet da AWS como ponto de entrada e a flexibilidade do Amazon EC2 para escalar a capacidade por trás da VPN de acesso remoto. O benefício é a capacidade de aumentar de forma elástica o número de clientes simultâneos da VPN que se conectam à rede quando necessário. Nesta publicação, focamos especificamente no software da VPN de terceiros executado no Amazon EC2.

Leia mais aqui
Using AWS client VPN to scale your work from home capacity (Como usar o cliente VPN da AWS para escalar seu trabalho de capacidade de escritório residencial)

Os serviços tradicionais de VPN on-premises têm capacidade fixa e são difíceis de aumentar ou reduzir a escala na vertical de forma rápida e sob demanda. Restrições de hardware, licenciamento e largura de banda podem ser fatores que impedem que os serviços de VPN de clientes tradicionais sejam escalados para atender às necessidades de uma força de trabalho móvel em rápido crescimento. Felizmente, a elasticidade da nuvem e os preços de pagamento conforme o uso da VPN do cliente da AWS podem ajudar. A VPN do cliente da AWS é um serviço baseado em OpenVPN escalável e altamente disponível que pode ser usado para conexão com recursos da AWS e on-premises.

Leia mais aqui
Introducing AWS client VPN to securely access AWS and on-premises resources (Introdução ao cliente VPN da AWS para acessar de forma segura os recursos da AWS e on-premises)

Muitas organizações, pequenas e grandes, contam com alguma forma de conectividade de rede privada virtual (VPN) do cliente para facilitar o acesso remoto seguro do usuário aos recursos hospedados em redes internas. Isso geralmente significa confiar no hardware de VPN on-premises ou provisionar a infraestrutura de VPN do cliente em instâncias do EC2. O gerenciamento dessas soluções de VPN baseadas em cliente apresenta desafios operacionais e de escalabilidade e é uma sobrecarga contínua. Muitas vezes, eventos imprevistos causam picos nos requisitos de largura de banda e conexão, causando redução da disponibilidade da VPN.

Leia mais aqui

Próximas etapas da AWS VPN

Standard Product Icons (Features) Squid Ink
Confira outros recursos relacionados a produtos
Saiba mais sobre os serviços de nuvem da VPN 
Sign up for a free account
Cadastre-se para obter uma conta gratuita

Obtenha acesso instantâneo ao nível gratuito da AWS. 

Cadastre-se 
Standard Product Icons (Start Building) Squid Ink
Comece a criar no console

Comece a criar com o AWS VPN no Console de Gerenciamento da AWS.

Faça login