O AWS Proton ajuda os engenheiros de plataforma e de DevOps a dimensionar seu impacto ao definir e atualizar a infraestrutura para implantações de autoatendimento. Com o Proton, os usuários criam modelos padronizados aprovados que se tornam a base para uso imediato pelos desenvolvedores para cumprir as metas de segurança, custo e conformidade.

Manter centenas ou milhares de microsserviços com configurações de integração/entrega contínua (CI/CD) constitui uma tarefa desafiadora para até mesmo as equipes de plataformas mais competentes. O AWS Proton ajuda as equipes de plataforma a gerenciar essa complexidade com um fluxo de trabalho de implantação otimizado para dar suporte a todo o ciclo de vida de desenvolvimento de software de aplicações modernas.

Implantações automatizadas

Com o AWS Proton, os engenheiros de plataforma e DevOps criam modelos de pilhas de aplicações mais facilmente. Isso inclui o pipeline de CI/CD disponível para os desenvolvedores, de modo que, para implantar a estrutura de uma aplicação, eles possam fazer uma solicitação por meio da interface de programação de aplicações (API), da interface da linha de comando (CLI) ou da interface do usuário (IU) para fazer a implantação imediatamente sem precisar reduzir tíquetes ou configurar um pipeline manualmente.

Ambientes gerenciados pelo cliente

Traga seus recursos compartilhados existentes, como a nuvem privada virtual (VPC) da Amazon, para o AWS Proton. Os desenvolvedores podem implantar em um ambiente gerenciado pelo Proton da mesma maneira que implantam para um ambiente padrão.

Definições flexíveis

Crie modelos de serviço com ou sem um pipeline. O AWS Proton dá às equipes mais flexibilidade ao definir, provisionar e implantar seus serviços. Os desenvolvedores só precisam fornecer os parâmetros de entrada necessários para o serviço e as equipes de plataforma podem aproveitar os recursos de gerenciamento central do AWS Proton para garantir que todas as implantações estejam atualizadas.

Componentes de serviço do Proton

Para equipes que querem dar suporte a uma variedade mais ampla de casos de uso com seus modelos existentes, os componentes de serviço do Proton podem expandir os casos de uso compatíveis com um único modelo. Os desenvolvedores podem criar um componente fornecendo seu modelo de infraestrutura como código e, em seguida, associando esse componente ao serviço.

Suporte para várias contas

O AWS Proton oferece suporte a várias infraestruturas e contas, o que ajuda os operadores da plataforma a configurar sua arquitetura com segurança em várias contas da AWS. Você pode gerenciar todos os seus ambientes e serviços de várias contas a partir de uma única conta com o AWS Proton.

Interface de autoatendimento

Personalize sua interface de usuário usando o conhecido Console de Gerenciamento da AWS ou a CLI. A interface do AWS Proton orienta você no processo de criação e na implantação de recursos compartilhados, como ambientes em que os serviços podem ser implantados. O Proton também oferece suporte total ao provisionamento, inclusive a capacidade de implantação da infraestrutura, como computação, banco de dados e muitos outros recursos, em um estilo simples e declarativo pelo AWS CloudFormation.

Upgrades simplificados

O AWS Proton é compatível com o versionamento de modelos da infraestrutura e oferece aos desenvolvedores atualizações das implantações desatualizadas.

Recursos de marcação com tags

O AWS Proton marca todos os recursos provisionados automaticamente com identificadores únicos, o que permite identificar todos os recursos provisionados que vêm de um ambiente ou modelo específico do AWS Proton. Isso facilita a implementação de gerenciamento de custos e de controle de acesso baseado em tags para qualquer recurso do AWS Proton, inclusive modelos, ambientes e serviços. Simplifique e garanta a uniformidade do processo de marcação, propagando tags aplicadas a um recurso pai para qualquer um dos seus recursos filho.

Gerenciamento de modelos

Os engenheiros de plataforma usam o AWS Proton para criar uma pilha que é armazenada e gerenciada no Proton como um modelo reutilizável controlado por versão. Essas pilhas são definidas usando a infraestrutura como código em um estilo simples e declarativo, com tudo o que for necessário para provisionar, implantar e gerenciar um serviço, incluindo computação, redes, pipeline de código, segurança e recursos de monitoramento. Os engenheiros de plataforma criam pilhas para ambientes e serviços e, normalmente, implantam ambientes. Em seguida, usando o Proton, os desenvolvedores podem usar autoatendimento para implantar a infraestrutura de serviço necessária para suas aplicações.

Gerenciamento de modelos pelo Git

Os clientes podem usar o git para gerenciar atualizações de modelos no seu próprio repositório git separado. Depois de criar um modelo e carregá-lo em um repositório git, o Proton automaticamente sincronizará e criará novas versões quando as mudanças forem iminentes. Isso reduz as etapas manuais e a probabilidade de erro humano.

Preços do AWS Proton
Saiba mais sobre a definição de preço do AWS Proton

Pague somente pelo que você usar. Nenhuma outra tarifa é aplicada ao uso do AWS Proton.

Saiba mais 
Cadastre-se para obter uma conta da AWS
Cadastre-se para obter uma conta gratuita

Obtenha acesso instantâneo ao nível gratuito da AWS. 

Cadastre-se 
Console do AWS Proton
Comece a criar no console

Comece a criar com o AWS Proton no Console de Gerenciamento da AWS.

Fazer login