Os volumes do Amazon EBS são criados em uma zona de disponibilidade específica e podem ter tamanhos de 16 GB a 1 TB. Após a criação, um volume pode ser conectado a qualquer instância do Amazon EC2 na mesma zona de disponibilidade. Depois de conectado, o volume aparecerá como um dispositivo montado, semelhante a qualquer disco rígido ou outro dispositivo de bloco. A partir desse momento, a instância pode interagir com o volume da mesma forma que faria com um disco local, formatando-o com um sistema de arquivos ou instalando aplicativos nele diretamente.

Um volume somente pode ser conectado a uma instância por vez, mas vários volumes podem ser conectados a uma única instância. Isso significa que você pode conectar vários volumes e distribuir seus dados entre eles para aumentar o desempenho da E/S e da taxa de transferência. Isso é especialmente útil para aplicativos de banco de dados que frequentemente executam muitas leituras e gravações aleatórias no conjunto de dados. Se uma instância falha ou é desconectada de um volume do Amazon EBS, o volume pode ser conectado a qualquer outra instância naquela zona de disponibilidade.

Os volumes do Amazon EBS também podem ser usados como partições de inicialização para instâncias do Amazon EC2, permitindo que você preserve seus dados da partição de inicialização além da vida útil da sua instância e agregue a sua AMI com um clique. Você também pode parar ou reiniciar instâncias que sofrem boot a partir dos volumes do Amazon EBS volumes enquanto preserva seu estado com tempos de boot velozes.

Comece a usar a AWS gratuitamente

Crie uma conta gratuita

O nível gratuito da AWS inclui 30 GB de armazenamento, 2 milhões de E/S e 1 GB de armazenamento de snapshots com o Amazon Elastic Block Store (EBS).

Consulte os detalhes do nível gratuito da AWS »



Possui cargas de trabalho de alta performance que requerem dezenas de milhares de E/S por segundo? Está procurando uma opção de armazenamento que distribuirá alta taxa de E/S consistentemente? Assista a este webinar para aprender como as IOPS provisionadas pelo EBS estão distribuindo dezenas de milhares de E/S por segundo de modo consistente para uma variedade de cargas de trabalho incluindo bancos de dados Oracle, bancos de dados Microsoft SQL, armazenamentos de dados NoSQL e uma variedade de aplicativos corporativos.

Alta performance consistente de E/S com o Amazon Elastic Block Store

O MongoDB é uma das cargas de trabalho NoSQL de crescimento mais rápido na AWS (Amazon Web Services). Junte-se à AWS e à 10gen, a empresa por trás do MongoDB, para aprender sobre como é possível executar alta taxa de transferência, clusters MongoDB intensivo de E/S na plataforma de armazenamento do Amazon EBS. Os arquitetos de solução da 10gen e da AWS passarão pelas melhores práticas incluindo desempenho, durabilidade e otimização relacionados à implementação do MongoDB na AWS.

Você também ouvirá da Parse, cliente da AWS, prestadora de serviços de backend baseados em nuvem para desenvolvedores de aplicativos móveis, sobre como eles tiraram proveito das IOPS provisionadas para executar seus clusters MongoDB.

Neste webinar, você aprenderá sobre:

  • Amazon Elastic Block Store (EBS)
  • Por que os volumes de IOPS provisionadas atendem às necessidades de aplicativos intensivos com elevada taxa de E/S
  • Melhores práticas de implementação do MongoDB na AWS por 10gen
  • Como otimizar volumes de IOPS provisionadas para MongoDB
  • Como a Parse executa o MongoDB na AWS

Exibir slides

Exibir whitepaper: MongoDB NoSQL Database on AWS