Conectividade

Conectividade local

A conectividade local com um dispositivo de borda que executa o AWS IoT Greengrass permite que os dispositivos do FreeRTOS continuem a se comunicar, coletar dados e executar ações sem uma conexão com a nuvem. Os dispositivos do FreeRTOS podem se conectar à rede local via Wi-Fi e Ethernet por meio das bibliotecas de conectividade local, como a de gerenciamento de Wi-Fi. A biblioteca de gerenciamento de Wi-Fi implementa uma camada de abstração para recursos de Wi-Fi, como instalação, configuração, provisionamento, segurança e gerenciamento de energia.

Além disso, os dispositivos do FreeRTOS podem conectar-se ao AWS IoT Core por meio de conectividade celular LTE-M ou por um dispositivo móvel usando conectividade Bluetooth Low Energy. O suporte ao Bluetooth Low Energy no FreeRTOS permite que você use o Generic Access Profile (GAP – Perfil de acesso genérico) e perfis de Generic Attributes (GATT – Atributos genéricos) por meio de uma camada padronizada de API para criar aplicações de Bluetooth Low Energy e usar os SDKs para Android e iOS fornecidos para integração com a funcionalidade do AWS IoT.

Depois que os dispositivos do FreeRTOS são conectados à rede local, eles podem se conectar facilmente a um dispositivo de borda local, como dispositivos do AWS IoT Greengrass Core, na mesma rede local usando a API Discovery do AWS IoT Greengrass. O FreeRTOS facilita o início do processo de descoberta pelos dispositivos e a conexão deles ao AWS IoT Greengrass Core desejado. A conectividade local permite que os dispositivos se comuniquem entre si na borda, por exemplo, um sistema de segurança em um prédio comercial que desbloqueia uma porta quando você desliza um crachá.

Conectividade com a nuvem

A conectividade com a nuvem facilita a coleta de dados e a execução de ações em dispositivos baseados em microcontroladores usados em aplicativos IoT e em outros serviços de nuvem AWS. Você pode conectar os dispositivos do FreeRTOS ao AWS IoT Core por meio de sistemas de mensagens baseados em MQTT ou HTTP. MQTT é um protocolo leve com uma pequena superfície e permite a comunicação eficiente para dispositivos restritos, baseados em microcontrolador. O FreeRTOS facilita o acesso às interfaces de biblioteca padrão, independentes do fornecedor. MQTT é um protocolo leve com uma pequena superfície e permite a comunicação eficiente para dispositivos restritos, baseados em microcontrolador. A conectividade com a nuvem permite que dispositivos, como medidores inteligentes de eletricidade, retornem informações sobre o consumo e analisem esses dados com outros serviços da AWS, como o AWS IoT Analytics.

Suporte aos recursos e serviços do AWS IoT

Suporte ao AWS IoT Core Device Shadows

O FreeRTOS também oferece suporte à API Device Shadow do AWS IoT Core com uma biblioteca do Device Shadow. O Device Shadows cria uma versão persistente e virtual, ou uma "sombra", de cada dispositivo que incluir seu estado mais recente, de modo que as aplicações ou os outros dispositivos possam ler mensagens e interagir com o dispositivo. Os dispositivos baseados em microcontroladores, como um ventilador controlado por temperatura, podem se beneficiar de uma sombra do dispositivo ao salvar o estado mais recente na nuvem, como "em rotação", e, em seguida, atualizar o estado para "parar" para que, quando o dispositivo estiver online novamente, a ação para parar seja implementada.

Suporte ao AWS IoT Device Defender

O FreeRTOS fornece uma biblioteca do AWS IoT Device Defender. A integração com o AWS IoT Device Defender facilita relatar métricas do dispositivo para detectar anomalias quando essas métricas desviam do comportamento esperado. Além disso, o AWS IoT Device Defender audita continuamente as configurações de IoT associadas a dispositivos do FreeRTOS para garantir o cumprimento de melhores práticas de segurança.

Dispositivo, conexão e atualizações seguras

O FreeRTOS inclui bibliotecas para segurança, incluindo a conexão segura com a nuvem, a autenticação de certificado, o gerenciamento de chaves e um recurso de assinatura de código.

O FreeRTOS gerencia uma conexão segura com a nuvem por meio de Transport Layer Security (TLS v1.2). A biblioteca TLS implementa uma camada de abstração para o protocolo TLS, que oferece privacidade e integridade de dados entre dois aplicativos comunicantes. Para conexão com o broker MQTT do AWS IoT Core, é necessária a autenticação do certificado cliente TLS. O FreeRTOS oferece uma camada de abstração para as operações do gerenciamento de objetos criptográficos e da assinatura de chave privada, como um recurso de gerenciamento de chaves. Os objetos criptográficos serão mantidos em um armazenamento dedicado ou na memória flash do microcontrolador principal se o armazenamento dedicado não estiver disponível. Você pode usar o console do AWS IoT Device Management com dispositivos do FreeRTOS para assinatura de código. O recurso de assinatura de código verificará a imagem assinada no dispositivo para garantir que o código do dispositivo não seja comprometido durante a implantação e as atualizações.

Atualizações OTA (over-the-air)

Você pode usar o AWS IoT Device Management com dispositivos do FreeRTOS para obter uma solução integrada de atualização OTA. O FreeRTOS faz com que a implantação de atualizações OTA para dispositivos baseados em microcontroladores consuma menos memória comunicando essas atualizações por meio de uma única conexão TLS, compartilhada com outras comunicações do AWS IoT Core. Forneça uma imagem de firmware, selecione os dispositivos a serem atualizados, selecione um método de assinatura de código e programe a atualização, tudo dentro do console do AWS IoT Device Management. Você pode usar as atualizações OTA para implantar atualizações de segurança, correções de bugs e novas atualizações de firmware em dispositivos de campo.

Microcontroladores compatíveis

O AWS Partner Device Catalog lista dispositivos totalmente compatíveis com o FreeRTOS e seus recursos e capacidades. Você pode fácil e rapidamente encontrar kits de desenvolvimento compatíveis e dispositivos prontos, como gateways, servidores de borda, sensores e câmeras para integração imediata de projetos. Ele oferece kits de desenvolvimento e sistemas incorporados para criar novos dispositivos, além de dispositivos disponíveis no mercado, como gateways, servidores de borda, sensores e câmeras para integração imediata de projetos de IoT.

Suporte de longo prazo do FreeRTOS

Com os lançamentos do FreeRTOS Long Term Support (LTS), você pode contar com uma versão do FreeRTOS que fornece estabilidade de recursos, atualizações de segurança e correções de bugs graves por dois anos. Isso facilita a identificação e a inclusão apenas das alterações recomendadas no kernel e nas bibliotecas do FreeRTOS, sem incluir riscos de introdução de atualizações que possam violar uma aplicação existente. O FreeRTOS LTS inclui o kernel FreeRTOS e bibliotecas de IoT, FreeRTOS + TCP, coreMQTT, coreHTTP, corePKCS11, coreJSON, AWS IoT OTA, AWS IoT Jobs, AWS IoT Device Defender, AWS IoT Device Shadow. Para saber mais sobre as bibliotecas do FreeRTOS LTS, clique aqui.

Plano de manutenção estendida do FreeRTOS

O plano de manutenção estendida (EMP) do FreeRTOS permite receber patches de segurança e correções essenciais de erros na versão escolhida do FreeRTOS Long Term Support por até 10 anos após a expiração do período inicial do suporte de longo prazo (LTS). O EMP do FreeRTOS pode ajudar a manter seus dispositivos baseados em microcontrolador protegidos por anos, economizar nos custos de upgrade do sistema operacional e reduzir os riscos associados à aplicação de patches nos dispositivos em campo.

Benefícios

Reduzir os riscos de responsabilidade do produto

Execute o firmware que recebe patches de segurança em uma base de código com recursos estáveis durante todo o ciclo de vida de seu produto. Uma base de código com recursos estáveis garante o recebimento de patches de segurança na mesma versão do LTS, assim não é necessário fazer upgrade para a versão mais recente do FreeRTOS com alterações com potencial para causar interrupções.

Reduzir os custos de upgrade do sistema operacional

Continue a usar as bibliotecas do FreeRTOS que fornecem estabilidade de recursos e de API durante o período de vigência de sua assinatura, assim não será necessário incorrer em custos de desenvolvimento, testes e garantia de qualidade para migrar para a versão mais recente do FreeRTOS.

Melhorar a segurança do dispositivo em longo prazo

Receba os patches de segurança e correções de bugs essenciais em suas bibliotecas de LTS do FreeRTOS escolhidas para melhorar a segurança de seus dispositivos de IoT durante todo o ciclo de vida.

Reduzir o risco de atualizações atrasadas

A atualização de dispositivos com correções essenciais envolve o planejamento do projeto, testes de prontidão de versões e programação de atualizações OTA (over-the-air). Reduza o risco de atraso na implantação enviando notificações imediatas dos próximos patches e do suporte com problemas de integração.

Como funciona

Como funciona o Plano de manutenção estendida do FreeRTOS
 Clique para aumentar

Antes do final do período atual do LTS, você poderá usar sua conta da AWS para concluir o registro de EMP do FreeRTOS no console do FreeRTOS, analisar os termos e condições associados e concordar com eles, selecionar a versão do LTS e comprar uma assinatura anual. Em seguida, você obterá acesso ao repositório privado em que receberá os arquivos .zip que contêm um repositório git com as bibliotecas escolhidas, os patches e as notificações relacionadas.

Para saber mais, consulte a página de preços e as perguntas frequentes do FreeRTOS.

Cadastre-se para receber atualizações periódicas sobre quando e como você pode assinar o EMP do FreeRTOS.

* A AWS pode encerrar a manutenção estendida de qualquer versão do LTS antes do término do período de vigência de sua assinatura conforme permitido pelo acordo que rege seu uso dos serviços da AWS, inclusive mediante notificação com pelo menos 12 meses de antecedência.

Console do FreeRTOS

Você pode começar a usar rapidamente o console para configurar e fazer download do código-fonte específico do microcontrolador qualificado e do caso de uso. Ele contém um download de arquivo de projeto adaptado ao seu chipset, ambiente de desenvolvimento integrado (IDE) e compilador. Você pode selecionar apenas as bibliotecas necessárias, economizando espaço em seu dispositivo. Para saber mais, acesse a nossa página de conceitos básicos.

Configure seu download de software para o microcontrolador, o IDE e o compilador. Em seguida, selecione as bibliotecas necessárias para seu caso de uso. Baixe o código-fonte do sistema operacional com as configurações de software que você definiu ou que estão predefinidas.

Você pode selecionar o trabalho de atualização OTA do FreeRTOS no console do AWS IoT Device Management.

AWS IoT Device Tester for FreeRTOS

O AWS IoT Device Tester for FreeRTOS é uma ferramenta de automação de testes para placas de desenvolvimento. Ele fornece testes para validar se a conectividade da Nuvem AWS, as atualizações OTA (over-the-air) e as bibliotecas de segurança estão funcionando corretamente em suas placas de desenvolvimento. Você pode usar o Device Tester for FreeRTOS para realizar testes facilmente e determinar se o dispositivo executará o FreeRTOS e interoperará com os serviços do AWS IoT. Também é possível baixar relatórios de qualificação do Device Tester assinados e enviá-los à Central de Parceiros da AWS para qualificar e listar dispositivos no AWS Partner Device Catalog.

Para saber mais e começar a usar, acesse a documentação técnica do Device Tester.

Saiba mais sobre a definição de preço do FreeRTOS

Acesse a página de definição de preço
Pronto para começar?
Cadastrar-se
Tem outras dúvidas?
Entre em contato conosco