O blogue da AWS

AWS Database Migration Service

Por Jeff Barr, AWS Chief Evangelist 
Atualmente você armazena dados relacionais em um banco de dados local Oracle, SQL Server, MySQL, MariaDB ou PostgreSQL? Você gostaria de movê-los para a nuvem AWS com praticamente nenhum tempo de inatividade para que você possa tirar proveito da escala, eficiência operacional e a multiplicidade de opções de armazenamento de dados que estão disponíveis para você?

Se assim for, o novo AWS Database Migration Service (DMS) é para você! Anunciado pela primeira vez no ano passado na AWS re:Invent, nossos clientes já usaram o AWS DMS para migrar mais de 1.000 bancos de dados locais para a AWS. Você pode mover os bancos de dados, na escala de terabyte ao vivo para a nuvem, com opções de manter a sua plataforma de banco de dados existente ou fazer o upgrade para uma nova que melhor corresponda às suas necessidades.  Se você estiver migrando para uma nova plataforma de banco de dados como parte de sua mudança para a nuvem, a ferramenta AWS Schema Conversion Tool irá converter seus esquemas e procedimentos armazenados para uso na nova plataforma.

O AWS Database Migration Service funciona através da criação e gestão de uma instância de replicação na AWS. Esta instância descarrega os dados da fonte de dados e carrega-os na base de dados de destino e pode ser usado para uma migração de uma só vez seguido da replicação em curso para suportar uma migração que acarreta em um tempo mínimo de paralisação.  Ao longo do caminho o DMS lida com muitos dos detalhes complexos associados à migração, incluindo a transformação de tipo de dados e conversão de uma plataforma de banco de dados para outra (Oracle para Aurora, por exemplo). O serviço também monitora a replicação e a saúde da instância, notificando se algo der errado e dispõe automaticamente uma instância de substituição, se necessário.

O serviço suporta muitos cenários de migração diferentes e opções de rede. Um dos parâmetros deve estar sempre na AWS; o outro pode ser no local, rodando em uma instância EC2 ou rodando em uma instância de banco de dados do RDS. A origem e o destino podem residir no mesmo Virtual Private Cloud (VPC) ou em dois VPCs separados (se você estiver migrando de um banco de dados em nuvem para outra). Você pode se conectar a um banco de dados no local através da Internet pública ou via AWS Direct Connect.

Saiba mais sobre os passos para migrar um banco de dados e informações técnicas detalhadas, no AWSHub.