logotipo CIO from IDG
por Clint Boulton, redator sênior, CIO

Apesar da incerteza gerada pela pandemia do coronavírus, a IHS Markit seguiu a sua estratégia de mover recursos computacionais para a AWS. Neste artigo em destaque no CIO.com, o diretor de informações da IHS, Chad Moss, oferece dicas para líderes de TI que fazem migrações semelhantes.


A IHS Markit faz uma aposta ambiciosa na nuvem pública durante a pandemia

Como o coronavírus forçou as empresas a fecharem em março, a IHS Markit teve que encarar uma decisão difícil. A empresa fornecedora de serviços de análise de dados planejava transferir a maior parte de suas funções de computação para a nuvem pública a partir de 2020, mas a pandemia levantou questões importantes.

A equipe de tecnologia seria capaz de realizar a migração para a nuvem e, ao mesmo tempo, ajudar 16.000 funcionários na transição para o trabalho remoto? Seria inteligente realizar uma migração para nuvem em escala corporativa depois que o CEO Lance Uggla decidiu que a empresa deveria gerenciar um cenário de desvantagem e trabalhar arduamente para reduzir os custos dos negócios?

IHS Markit

“Segurança, integridade e confidencialidade de dados em diferentes jurisdições são a base de tudo o que fazemos, e trabalharemos com a AWS para continuar a fornecer dicas oportunas para clientes do mundo todo.”

- Chad Moss, CIO, IHS Markit


Leituras relacionadas

O CIO focado no cliente
E-book
O CIO voltado ao cliente
Transforme os negócios e a cultura da sua organização por meio da liderança de TI
Ajustar a empresa de alta frequência
E-book
Ajustar a empresa de alta frequência
Ter agilidade é fundamental para acelerar a entrega de valor
Nuvem para CEOs
E-book
Nuvem para diretores executivos
Abra caminho para o crescimento e meça a inovação com uma única métrica

Qual é o segredo dos bons líderes?

Ouça como outros líderes impulsionaram mudanças.