O blogue da AWS

#AWS Summit Insights: Como usar a TI para transformar seu negócio?



Um dos principais motivadores para a migração de ambientes para a nuvem é a diminuição do custo, mas é importante considerar determinadas práticas para atingir o valor esperado. Durante o AWS Summit 2016, o consultor sênior AWS Otávio Pecego Coelho apresentou uma sessão dedicada ao serviço que oferece orientações práticas, a partir de uma visão geral do processo de transformação da nuvem para a TI e o negócio.

Como explicou Otávio Pecego Coelho, alguns pontos merecem atenção especial. Por exemplo, é preciso ter em mente que os maiores ganhos estão no negócio: custo inicial, disponibilidade, agilidade, elasticidade, menor risco, novas geografias, alto volume, prever futuro, etc. Também é fundamental levar em conta os custos de produtividade. A automoção implica em ganhos de duas a oito vezes no custo de pessoal, por exemplo. Outro fator que merece atenção é que a ociosidade de recursos impacta enormemente o Custo Total de Operação (TCO), por isso, é crucial medir a utilização média dos servidores e do seu DataCenter. A AWS também disponibiliza ferramentas para facilitar essa análise, como a calculadora de TCO.

Pecego abordou modelos de operação, estratégias de migração e tipos de arquitetura que tornam a jornada para a nuvem mais eficiente, guiados pelo AWS Cloud Adoption Framework. O serviço organiza e descreve as perspectivas no planejamento, criação e gerenciamento e suporte de uma TI de serviços moderna, e fornece uma estrutura onde negócios e TI possam trabalhar em conjunto com uma estratégia comum, apoiada pela automação e otimização de processos.

Por onde começar?

AWS Cloud Adoption Framework divide o complicado processo de planejamento em três áreas de foco:

Pespectivas: representam áreas de nível superior de foco abrangendo pessoas, processos e tecnologia.

Componentes: identifica aspectos específicos dentro de cada perspectiva que requerem atenção.

Atividades: fornece orientação prescritiva para ajudar a construir planos viáveis .
Jornada em blocos: passos para reduzir custos na migração

O serviço é flexível e adaptável, permitindo que você use Perspectivas, Componentes e Atividades como blocos de construção para a sua jornada única e personalizada na nuvem:

Caso de negócio: leve em conta o Custo Total de Operação (TCO), baseado em dados, e bem fundamentado; considere os requisitos de negócio atuais e futuros; e as oportunidade de inovação.

Modelo de pessoas: o ideal é integrar os times da gestão da iniciativa, da liderança da TI, da governança, da arquitetura, da entrega e da operação. Crie uma Cloud Center Excellence na sua empresa, um time núcleo formado por funcionários entusiasmados, e construa competências e padrões internos com sua equipe de TI. Essa equipe dedicada poderá acelerar conhecimentos na nuvem, padronizar ferramentas, definir melhores práticas, adotar métodos mais ágeis e treinar e educar.

Arquitetura da nuvem: deve ser desenvolvida visando suas necessidades de negócio. A infraestrutura AWS introduz novas oportunidades, permitindo disponibilidade, confiabilidade, escalabilidade, segurança e melhor custo que as aplicações legadas.

Estratégia de migração: deve incluir planejamento, descoberta, análise, migração, otimização para o custo. É importante levar em consideração a bolha de migração, provocada por ambientes duplicados, treinamento da equipe, e outros fatores que podem surgir nesse processo até a implantações das novas operações.

Modelo operacional: deve ter foco na melhoria contínua e a otimização de custos, com segurança e monitoração.